Dois Tabus do Cinema, Parte I: Sexo

“O termo tabu tem um significado muito extenso, mas, em geral, significa que uma coisa é proibida. O significado de tabu ramifica-se em duas direções opostas: por um lado significa consagrado, sagrado, misterioso – por outro lado significa perigoso, proibido e imundo”, Wikipedia.

Dois temas são tabus no cinema. Sexo é um deles. A sexualidade entra na subcategoria do “perigoso e imundo” da definição acima. Tanto que os gêneros de filme pornô e erótico são, em regra, apenas veículos para a satisfação da ansiedade sexual de sua platéia. Não têm uma função muito diferente da de um vibrador ou de outro estimulante químico.

De fato, raramente, no cinema, conseguiu-se incorporar a tão reprimida sexualidade humana no contexto de uma história, de um drama, sem os clichês de luzes apagando, cobertores, fade outs, trilha romântica, cigarrinho e etc.

 Mas também, quando foi feito, foi para arrasar. Dois exemplos corajosos são os filmes “Calígula”, de Tinto Brass, e “Saló”, de Pier Paolo Pasolini. Não há palavras que descrevam estes filmes. Trailer


São filmes completamente fora do tempo. Não foram planejados para o “mercado”, ou para “consumidores” sem formação cultural ou literária. Não são filmes para te “divertir”, mas reflexões ao mesmo tempo políticas, estéticas e provocadoras.  Por isso, não passam nem em pay-per-view. Mas, graças à tecnologia, podem ser vistos em DVD ou em cópias restauradas em cinemas alternativos – como foi o caso de “Saló” na Casa de Cultura Mário Quintana há uns anos atrás. Trailer

Acredito que filmes como esses, com completa liberdade de produção, são impossíveis nos dias de hoje. Como contraponto, vejamos o trailer do novo sucesso “erótico” do momento, o primeiro filme “pornô com história” em 3D: a produção chinesa “Sexo e Zen”. É um sucesso tão grande na China que superou a bilheteria de Avatar na estréia – um feito notável para uma produção com sexo explícito. Se você tem um mínimo de cultura, no entanto, poderá ver bem a diferença de qualidade artística que existe entre esta açucarada produção e as obras-primas lembradas aqui.

Quer fazer um curso completo de produção audiovisual?

Entre em contato conosco: 51-3343.6866 ou curso@inmovimento.com.br.

Segue a gente  e participe de nossas promoções e sorteios!!!

    

Esse post foi publicado em Storytelling, Tabus do Cinema e marcado , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s